Buscar
  • High Clean

Afinal, é seguro lavar motor de carro?

Atualizado: 5 de Ago de 2019


Para os amantes de carros chega a ser terapêutico cuidar do veículo e passar um bom tempo aspirando, trocando o óleo, lavando e encerando cada parte do automóvel. Entretanto, algumas dessas pessoas evitam lavar as partes internas, entre elas o motor de carro.

Já, por outro lado, há aqueles que lavam o motor sempre que observam alguma sujeira ou muita graxa, deixando-o novamente livre de resíduos. Porém, é necessário muito cuidado na hora de lavar esse componente, já que a limpeza inadequada pode levar a sérios problemas elétricos.

Aliás, é ainda mais comum os mecânicos serem chamados para “arrumar” o veículo porque o lava-rápido ou o próprio motorista lavou essa parte de forma errada.

Neste post você vai descobrir se é seguro ou não lavar o motor de carro, em que deve prestar atenção e como se deve fazer a higienização dessa parte tão importante do veículo. Confira!


É seguro lavar o motor de carro?


Sim e não. É se você souber usar os produtos de maneira certa, sem que comprometa nenhum componente elétrico. E não, se você não souber por onde começar e ainda usar a mangueira com uma pressão muito elevada.

De todo modo, saiba que não é aconselhável lavar motor de carro, porque não há necessidade e é muito arriscado. O máximo a se fazer é retirar a sujeira do capô.


Como lavar o motor de carro?


Se quiser realizar a higienização do motor de carro sozinho (saiba que há oficinas que realizam o serviço profissionalmente), há duas possibilidades: lavagem a seco ou úmida, com mangueira sem pressão alguma.


Lavagem a seco


Primeiro é necessário limpar o capô. Passe um pouco de produto de limpeza com ação multiuso e com a ajuda de uma luva e uma escova, limpe o capô. Depois, é só passar uma toalha de microfibra para secar.

Em seguida, vá para o motor. Limpe a tampa com o mesmo produto e com a toalha. E onde a toalha não conseguir alcançar, utilize um pincel. E como é uma lavagem a seco, não há necessidade de desconectar nenhum cabo ou se preocupar com nada, pois não há líquidos a entrar em contato com partes elétricas. Com um descarbonizante limpe a bateria com a ajuda da toalha. Inclusive, uma dica: você verificará que nos lugares em que há muita graxa, o descarbonizante é a sua melhor opção!

Já nos componentes elétricos, é aconselhável usar o WD-40 e um pincel para higienizar por completo. Não se esqueça de secar com a toalha novamente — de microfibra!


Lavagem úmida


Primeiramente, o motor deve estar frio. Em seguida, retire as partes plásticas da região. É recomendado que após esse passo, utilize diesel para pincelar toda a extensão do motor e o deixe agir por alguns minutos.

Só então jogar água, sem nenhuma pressão, e deixar escorrer naturalmente. A última etapa é remontar tudo.

Lembrando sempre que as lavagens a vapor e a seco são as mais recomendadas.


Quais são os cuidados na higienização do motor?


Para fazer a higienização do motor do carro, não se esqueça de:

Desligar o carro.Não usar nenhum produto de composição ácida ou solvente.Impedir que a água atinja as vedações.Verificar se as tampas estão realmente fechadas.Não desligar as conexões de bateria.Não utilizar desengraxantes muito fortes porque podem remover a lubrificação.


[Fonte: UsadosBR]


A High Clean oferece o Combo 2, um serviço completo que consiste em:

Lavagem especial;

Higienização dos carpetes, bancos, painéis, laterais de porta, teto e porta malas, hidratação de banco de couro com produtos especiais incluindo limpeza dos filtros de ar condicionado.
Polimento Técnico, em 3 etapas: - corte: remove riscos superficiais, manchas e oxidação; - refino: retirando hologramas do polimento; - lustro: que protege a pintura deixando uma película cristalizada; - cristalização: proteção da pintura.
*Tempo de realização: de 1 a 2 dias dependendo do estado do veículo. 
49 visualizações0 comentário